Nova Pesquisa Programa Casa Segura

Sexta-feira, dia 23/03/2018, lançamos mais uma pesquisa no Programa Casa Segura. O objetivo desta vez é saber mais como as pessoas conhecem o Programa e qual o perfil do público que acessa.

Isso é crucial porque, desde 2005, o Casa Segura tem um papel muito importante na conscientização sobre segurança nas instalações elétricas e isso só pode ser feito se conhecermos muito bem quem é o público e como ele pensa.

Se você conhece o Programa, nos ajude respondendo à pesquisa e indicando para seus clientes e amigos. Quanto mais gente puder contribuir, mais o Programa pode ajudar.

Vamos responder? É rápido e fácil: é só clicar aqui ou responder diretamente no formulário abaixo.

Conheça o novo Cabo G7 Easy da Prysmian

A Prysmian lançou o G7 Easy. Easy, ou fácil em inglês, é o nome dado por conta da facilidade de instalação do cabo, seja em duto, canaleta ou exposto.

Graças ao material que o reveste, o G7 Easy é mais flexível, mais fácil de desencapar e não apresenta efeito mola. Além disso, ele é facilmente identificado pela cobertura colorida.

O G7 Easy é recomendado para instalações fixas de luz e força, em prédios residenciais, comerciais, industriais, em circuitos de distribuição, circuitos terminais e para linhas subterrâneas de energia em baixa tensão.

Conheça todos os usos, versões e especificações técnicas do G7 Easy baixando o catálogo do produto. É só clicar na imagem abaixo.

Harmônicas – Exemplos

No artigo anterior fizemos uma conceituação básica sobre as harmônicas, citando inclusive a série de Fourier. Neste artigo, vamos falar um pouco do que estes efeitos harmônicos causam nas instalações elétricas.

Primeiramente, vamos lembrar que as distorções harmônicas ocorrem devido, principalmente, à existência de componentes não lineares na rede elétrica. Estes dispositivos distorcem as correntes. Estas distorções dependem da frequência e da amplitude para afetar o sinal original, chamado de frequência fundamental, de uma forma ou de outra.

Vejamos abaixo o efeito causado por uma frequência de terceira ordem (180 Hz) em um sinal senoidal fundamental (60Hz).

 

Veja agora o efeito de uma harmônica de quinta ordem (300Hz) neste mesmo sinal senoidal (60Hz).

 

Podemos observar duas coisas. A primeira, diz respeito às formas diferentes que os sinais de 180 e 300 Hz afetam o sinal senoidal. A segunda, apresenta o reflexo na tensão de alimentação do barramento, de forma diferente para cada harmônica. Esta distorção, como citado no artigo anterior, afetará também o funcionamento de outros circuitos, podendo criar problemas nas instalações em geral. Em um circuito com vários dispositivos não lineares, como é comum no dia a dia, há várias distorções compostas afetando o circuito elétrico. Sem contar que estes circuitos são dinâmicos e, portanto, mudam de características a todo o momento, sendo muito difícil estabelecer um padrão.

Outro problema que surge com o aparecimento das distorções harmônicas é com relação às grandezas características do sinal senoidal, que passam a ser alteradas, ou seja, o valor eficaz calculado de uma forma para um sinal senoidal não obterá o mesmo resultado para um sinal não senoidal. O mesmo acontece com os valores de pico, fatores de crista, valores médios e também com o fator de potência que, tradicionalmente, quando se trata de uma senóide, é calculado pela relação entre potência aparente e potência ativa, considerando o valor do coseno formado entre o ângulo destas potências. Porém, com a presença das distorções harmônicas esse valor não será o correto.

Haverá outra potência neste circuito a ser considerada, a potência de distorção harmônica. Mas este é um assunto paro a próximo artigo.

Então, até lá.


Eng. Edson Martinho – Diretor da ABRACOPEL 

Novas Embalagens Prysmian

Os produtos da Prysmian estão de cara nova. Conheça a nova linha de embalagens da líder do mercado.

Eletricista que é Consciente sempre aparece

Participando de um evento em Chapecó, nosso colaborador, sócio e webinarista Edson Martinho (não esqueça o Webinar de hoje!) encontrou um Eletricista Consciente.

Morador de Xanxerê, Ronaldo Adriano Alves foi um dos premiados da Segunda Rodada de 2017 mostrou que é um campeão e fez questão de uma selfie com o Mestre.

É muito gratificante quando encontramos participantes em eventos, sobretudo quando usam a identificação do Programa, porque mostra que estão vestindo a camisa e praticando os conceitos difundidos aqui.

Eletricista Consciente é consciente em qualquer lugar.